sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Menor Abandonado


Por Levi B.Santos


Não sei se em Abril
Comemoras os teus dois anos de existência.
Lembra-te? Nasceste no meio de eletrizantes pensadores
Foste alimentado do bom e do melhor.
Ao dar os teus primeiros passos
Foste intensamente aplaudido e paparicado
Como eras tão bem cuidado!
Tão bem nutrido no físico e no espírito!

Quem te viu e quem te vê agora
Não mais te reconhece.
Estás desnutrido e debilitado. Tão raquítico.
Se me perguntarem por que te abandonaram
Só sei dizer de mim.
Dos que antes te seguravam nos trôpegos primeiros passos,
Restam poucos, te alimentando com textos
Que saem da alma deles para a tua.

Ah, não posso negar!
A seiva que te alimenta os vasos tem sido pouca.
Mas não estás tão só e abandonado.
Cento e sessenta e cinco leitores cativos te acompanham.
Ficarás pasmo com o que eu vou te dizer, agora:
Nos dois últimos meses
Nunca cresceste tanto em números de seguidores.
Apesar dos pesares...

Consola-te!
Lembra-te de Um que disse: “onde estiverem dois ou três,
Eu estarei no meio deles...”.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...