sexta-feira, 12 de março de 2010

"Nada de postagem..apenas um desabafo"

Por: Edson Moura

Confesso que a tentação foi grande, em colocar um texto de "impacto", mas o bom senso me bateu na face e me fez rever alguns conceitos sobre o que eu mesmo me propus escrever desde o início. Muitos não querem, ou melhor, não estão preparados ainda, para verdades sobre a vida que, de forma muito agressiva...vão de encontro ao pensamento "romântico" cristão.

Deixo então apenas um desabafo, para os meninos que adotaram a Bíblia como manual de vida...esquecendo-se que se olharem pela janela de suas casas...contemplarão um mundo "pouco" (pra não dizer muito) diferente daquilo que "querem acreditar".

Não posso ser irresponsável de querer tirar-lhes a magia...mistério...assombro dos textos bíblicos em que se apegam...para conseguirem seguir em sua caminhada rumo à "cidade celestial". Não posso cometer este delito...afinal...eu demorei algum tempo para me libertar do velho paradigma, portanto, não posso querer que "eles", em tão pouco tempo, "batam asas fora da gaiola".

Eu muito me preocupo com as pessoas novas na fé, que lêem a Bíblia, mas que também lêem nossas vidas (pois tudo que escrevo, nada mais é do quê experiências vividas).

O que estão elas lendo? Integridade ou duplicidade? Discurso sobre amor e prática contrária ao amor? Palavras sobre hospitalidade e atitudes de hostilidade? Há pessoas que começam animadas na fé, mas o comportamento de alguns de nós é para elas como um alfinete espetado num balão insuflado...Ou velhos na fé, que já estão cansados de viver no mundo da "Alice no país das maravilhas", são intolerados e até considerados ateus pelos mais jovens...

Pobres meninos, não imaginam que o caminho percorrido até aqui...fora espinhento, sofrível, contraditório...mas este é o preço da liberdade....e estaria disposto a refazer o trajeto se necessário.

Quero ser justo...caminhar no mundo, carregando em meu caráter, dois atributos que faltam à maioria dos cristãos atuais....ou seja: "Justiça e Piedade"

Por isso, precisamos buscar reproduzir as qualidades de Simeão.

Anatomia do fracasso evangélico:

Vivemos um momento muito especial como evangélicos no Brasil. Os números indicam que somos um expressivo contingente populacional. Há muitos justos no Brasil, como Simeão no antigo Israel. No entanto, precisamos nos incomodar com a seguinte pergunta: se o Brasil é cada vez mais de Cristo, por que continua ele tão miserável, tão corrupto, tão injusto e tão violento? Mais que lamentar, nós temos que chorar... de vergonha, porque não temos feito nenhuma diferença neste país.

Nosso erro tem sido colocar a estética acima da ética. Os evangélicos em geral entendem que ser cristão é adorar a Deus, seja este culto movido pela razão, seja este culto regado pela emoção. Não! O prazer da adoração faz parte do ser cristão, mas se ela não fluir para a vida serão apenas barulho diante de Deus, nunca adoração. Estética (beleza, emoção, prazer, culto contagiante) sem ética é lata vazia jogada num corredor. Adoração sem virtude é tentativa de manipular magicamente a Deus, não adoração, que dê glórias vivas (e não apenas de palavras) ao Senhor de nossa peregrinação.

Por isto, nosso país vive uma crise particular de integridade, que inclui a população evangélica, que tem se esquecido de ser como Simeão (justo e piedoso). Parece que cremos na possibilidade da convivência entre a justiça e a impiedade por parte de uma mesma pessoa.

Enquanto vivemos deste modo, o Brasil será como é.



Obrigado aos confraternos pelo espaço cedido a mim.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...